Sobre o IBIOM

Histórico

DSC_0004

No ano de 2012 foi idealizado a construção de um centro, com o objetivo de catalisar recursos tecnológicos, científicos, financeiros e humanos para a estruturação e apoio da cadeia produtiva de  biomassa para energia em Santa Catarina.

O primeiro passo foi dado com a aprovação do projeto intitulado “Compactados de biomassa para a geração de energia: Acompanhamento da cadeia produtiva para a implantação de um Centro Avançado de Estudos em SC, e normatização de produtos”, tendo como proponente a CAV/UDESC e como coordenadora Prof. Martha Andrea Brand.

Este projeto foi apresentado durante evento realizado em Lages e devido a sua grande  importância e interesse por instituições envolvidas com o setor da biomassa,  em 2014 foi iniciado um segundo  projeto.  Este por sua vez teve como objetivo  a  implantação de um Centro Avançado em Estudos de compactados de Biomassa para a Geração de Energia, a  operacionalização de uma usina piloto laboratorial de peletização para testes com diferentes tipos de biomassa  e  a estruturação operacional do centro como um local de catalisação de recursos tecnológicos, científicos, financeiros e humanos para a  apoio da cadeia produtiva da biomassa . Estes projetos financiados pela FAPESC contaram com a participação de pesquisadores das instituições:  CAV/UDESC, UFSC LabCet, IFSC Lages, Uniplac, Esag UDESC, UNB, EMBRAPA,  empresas como Biofair e Solumad, consultores e parceiros de diversas regiões do Brasil, todos com larga experiência no tema da biomassa.

Desta reunião de pessoas interessadas e motivadas pelo proposito de contribuir com o desenvolvimento do setor da biomassa energética sob o aspecto econômico, tecnológico, social  e ambiental  deu origem ao IBIOM.

Quem somos:

O Instituto de Biomassa Energética (IBIOM), é uma Organização da Sociedade Civil, sem fins lucrativos, que atua por meio de projetos e ações com o objetivo de articular e fortalecer a rede de pessoas e organizações que compõem o setor de Biomassa Energética no Brasil. Neste sentido, a organização tem foco na convergência de esforços de diversos atores para gerar e difundir valores fundamentais para a solidificação da biomassa como uma das principais fontes de energia do país.

Para concretizar esses objetivos, o IBIOM atua a partir de três frentes principais.

  1. Geração e difusão de conhecimentos
  2. Promoção do Intercâmbio entre atores
  3. Qualificação de recursos humanos que fazem parte ou queiram fazer parte do setor

Diferencial do IBIOM

O IBIOM se constitui como organização formada pela união de instituições privadas, públicas e comunidade interessada, atuando de forma imparcial, apartidária, e sem fins lucrativos. Isso por que, o ideal perseguido pelo IBIOM, é o fortalecimento direto de uma rede de atores que tenham como objetivo trabalhar em prol do crescimento do setor como um todo. São parte do IBIOM, neste âmbito, atores que trazem como filosofia a ideia de que o melhor ganho particular pressupõe um ganho coletivo, e que a cooperação e a colaboração entre pessoas e organizações são parte integrante desse desenvolvimento. Neste sentido, a intenção primária do IBIOM, é gerar ações que fomentem e qualifiquem o uso da Biomassa para geração de energia, tendo como base sempre a sustentabilidade ambiental, desenvolvimento tecnológico e a melhoria de indicadores socioeconômicos.

 

CONSELHO DELIBERATIVO

Amir Antônio Martins de Oliveira Jr. (Presidente do Conselho Deliberativo)

Edson Bazzo (Vice Presidente do Conselho Deliberativo)

Martha Andrea Brand,

Humberto Jorge Jose,

Matheus Fontanelle Pereira,

 

CONSELHO FISCAL

Daniela Letícia Nones

Hans-Jurgen Kleine

Jose Augusto Medeiros

 

DIRETORIA EXECUTIVA

Marli Luísa Juárez y Sales – Diretora Executiva

Luiza Stein – Diretora Administrativa e Financeira